Palavras que edificam

Por Dario Gomes

Sua meditação diária na Palavra de Deus

Deus não existe! Assim diz o néscio.

Disse o néscio no seu coração: Não há Deus. Têm-se corrompido, e cometido abominável iniquidade; não há ninguém que faça o bem. Salmos 53:1.


Para entendermos o que o texto diz, vamos ao dicionário on line: Néscio: Característica de quem não possui conhecimento, capacidade, sentido ou coerência. Sujeito ignorante, estúpido, incompetente, incoerente.

Antigamente eu pensava que néscio era sinônimo de louco, mas ao procurar o significado da palavra no dicionário deparei-me que o néscio é alguém que tem características de incapacidade e alguém pode ser néscio sem ser louco é um incapaz, incoerente, sem sentido e sem conhecimento, pois é preciso ser tudo isso para não entender que Deus está em todo o processo da formação do cosmos e da raça humana. A Palavra de Deus afirma: Os céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos. Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite mostra sabedoria a outra noite. Não há linguagem nem fala onde não se ouça a sua voz. Salmos 19:1-3.

Sempre que o homem, na busca do conhecimento, se deparar com alguma questões que , via de regra, não encontra respostas, ali ele se encontra com Deus, porque Deus não se explica. Não que Deus seja coisas, mas há coisas que só se explicam em Deus.

A simetria do funcionamento de cada parte do universo nos revela que é impossível que simplesmente tenha havido uma organização mútua sem ter a mão de alguém por sobre tudo isso. É inegável dizer que há um Deus nos céus e Ele está no controle da vida e de tudo que há, sendo Ele o criador de todas as coisas.

Quando olho para um edifício ou para uma edificação, entre tantas que conhecemos, eu imagino que em algo tão belo e tão bem feito existiu a mão de um arquiteto, o projeto de um artífice, sobre tudo e porque quando olho para a perfeição da criação devo achar que as coisas apareceram por si mesma? Com certeza há uma mão poderosa sobre tudo. A mão do Arquiteto do universo, aquele é, quando nada existia, cujos anos não se podem contar e cujo poder é infinito. Será que se deixarmos uma porção de barro em algum lugar, um dia ele se transformará em tijolos e se construirá edifícios sozinho?

Porquanto o que de Deus se pode conhecer neles se manifesta, porque Deus lho manifestou. Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis; Romanos 1:19-20.

Só um falto de entendimento diria: Deus não existe.

Evang. Dário Gomes de Araujo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara