Palavras que edificam


Sua meditação diária na Palavra de Deus

Levantarei os meus olhos para os montes, de onde vem o meu socorro? 
O meu socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra. Salmos 121:1-2.

O salmista era homem acostumado as guerras e conhecia as muitas estratégias para se fazer um combate. Por vezes os reis contratavam outro reino para acudi-los, quando estivessem cercados por seus inimigos e  estes vinham, em  meio a batalha,  e surgiam por sobre os montes e ajudavam aquele outro a sair do seu aperto. Portanto, olhar para os montes em meio a uma luta, era desejar que um reforço aparecesse de imediato para os socorrer.
Parafraseando uma situação tal qual, o salmista olha para os montes e diz: Elevo os olhos para os montes, de onde me virá o socorro? Ou seja qual reino me socorrerá?
Quem sabe ó amigo estais como o salmista olhando para os montes à procura de alguém para te socorrer, quem sabe até já subistes ao monte à procura de um socorro, mas deves fazer como fez o salmista e dizer: O meu socorro vem do Senhor.
O Senhor é a minha luz e a minha salvação; a quem temerei? O SENHOR é a força da minha vida; de quem me recearei? Ainda que um exército me cercasse, o meu coração não temeria; ainda que a guerra se levantasse contra mim, nisto confiaria. Porque no dia da adversidade me esconderá no seu pavilhão; no oculto do seu tabernáculo me esconderá; pôr-me-á sobre uma rocha. Salmo 27: 1, 3, 5.

Se olhas para os montes e não vês escape, mude teu olhar ou tua visão, feche os olhos carnais e abra os olhos espirituais e contemple a salvação que vem do Senhor, e receba a tua vitória em nome do Senhor Jesus.

O Senhor te ouça no dia da angústia, o nome do Deus de Jacó te proteja. Salmo 20:1.



Evang. Dário Gomes de Araujo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara