Sergio Moro vai ao Rio e diz que 'país precisa de agenda anticorrupção'


Juiz federal viajou de Curitiba para a capital fluminense, na manhã desta quinta-feira (1º), para se encontrar com o presidente eleito, Jair Bolsonaro


Marc Sousa, da RecordTV, e Raphael Hakime, do R7

Juiz Sergio Moro está no Rio de Janeiro para se encontrar com Jair Bolsonaro 
Geraldo Bubniak/AGB/Folhapress - 28.10.2018

juiz federal Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, viajou nesta quinta-feira (1º) ao Rio de Janeiro para conversar pessoalmente com o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), que deverá oficializar o convite para ele assumir o Ministério da Justiça.

O repórter do Jornal da Record, da RecordTV, Marc Sousa viajou no mesmo avião que o magistrado e conseguiu conversar rapidamente com ele. Moro disse que "o país precisa de uma agenda anticorrupção e uma agenda anticrime organizado".

— Se houver a possibilidade de uma implantação dessa agenda, convergência de ideias, como isso vai ser feito... então, há uma possibilidade. Mas, como eu disse, é tudo muito prematuro.

Moro disse ainda que “há uma possibilidade de implantar uma agenda importante para o país, observada a Constituição e os direitos fundamentais”.

Assista ao vídeo:



















O juiz federal também comentou sobre a possibilidade de a Operação Lava Jato ser impactada, caso ele saia do caso para assumir o Ministério da Justiça. 

— Acho que é prematuro [prever um impacto negativo na Lava Jato]. Foi surpreendente falar que não se deve nem conversar com um presidente que acabou de ser eleito por mais de 50 milhões de brasileiros. [...] Acho que não tem problema nenhum [de fazer o encontro]. 

Assista ao vídeo:

Postagens mais visitadas deste blog

ZÉ ELIAS CONCEDE ENTREVISTA E FALA SOBRE O MOMENTO DIFÍCIL QUE ESTÁ PASSANDO

EDILSON TAVARES, UM OUTSIDER QUE DEU CERTO