Sergio Moro vai ao Rio e diz que 'país precisa de agenda anticorrupção'


Juiz federal viajou de Curitiba para a capital fluminense, na manhã desta quinta-feira (1º), para se encontrar com o presidente eleito, Jair Bolsonaro


Marc Sousa, da RecordTV, e Raphael Hakime, do R7

Juiz Sergio Moro está no Rio de Janeiro para se encontrar com Jair Bolsonaro 
Geraldo Bubniak/AGB/Folhapress - 28.10.2018

juiz federal Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, viajou nesta quinta-feira (1º) ao Rio de Janeiro para conversar pessoalmente com o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), que deverá oficializar o convite para ele assumir o Ministério da Justiça.

O repórter do Jornal da Record, da RecordTV, Marc Sousa viajou no mesmo avião que o magistrado e conseguiu conversar rapidamente com ele. Moro disse que "o país precisa de uma agenda anticorrupção e uma agenda anticrime organizado".

— Se houver a possibilidade de uma implantação dessa agenda, convergência de ideias, como isso vai ser feito... então, há uma possibilidade. Mas, como eu disse, é tudo muito prematuro.

Moro disse ainda que “há uma possibilidade de implantar uma agenda importante para o país, observada a Constituição e os direitos fundamentais”.

Assista ao vídeo:



















O juiz federal também comentou sobre a possibilidade de a Operação Lava Jato ser impactada, caso ele saia do caso para assumir o Ministério da Justiça. 

— Acho que é prematuro [prever um impacto negativo na Lava Jato]. Foi surpreendente falar que não se deve nem conversar com um presidente que acabou de ser eleito por mais de 50 milhões de brasileiros. [...] Acho que não tem problema nenhum [de fazer o encontro]. 

Assista ao vídeo:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara