Carlinhos da COHAB concede entrevista, deixa futuro partidário indefinido e não descarta possibilidade de votar em Paulo Câmara para governador

Do Blog de César Mello


O vereador Carlinhos da COHAB foi o entrevistado desta quinta-feira do programa ‘Espaço Aberto’, da Comunidade FM. Durante cerca de 50 minutos de entrevista ele falou da atual conjuntura política local, estadual, bem como, fez críticas a gestão do prefeito Edson Vieira. 

O vereador, que ainda está filiado ao PTB, disse que vê com bons olhos o nome de Marília Arraes, como possível candidata ao governo do estado na eleição do ano que vem. Carlinhos chegou a dizer que a petista tem um nome mais leve que o de Armando Monteiro Neto em Santa Cruz do Capibaribe. Mesmo reconhecendo o bom histórico de Armando com a cidade, em especial com o grupo Taboquinha, Carlinhos não negou a preferência pelo nome da vereadora recifense.

Quanto a Ricardo Teobaldo, ele disse que não é impossível que ele e os demais companheiros de partido votem nele para deputado federal, mas é difícil que isso aconteça. Segundo Carlinhos, ‘será muito difícil apoiar e votar em deputado que ficou contra o povo’. 

A fala de Carlinhos é apenas mais uma em tom de reprovação a deputado federal, que deverá ser abandonado pelo grupo Taboquinha, diante do silêncio de Zé Augusto Maia, que nada tem feito para estancar tal sangria.

Sobre Zé Augusto, Carlinhos fez um alerta surpreendente aos eleitores Taboquinhas. “É bom que todos os Taboquinhas fiquem certos de que, se por acaso Armando Monteiro for eleito governador do estado, quem vai ter vez com ele será Zé Augusto Maia. Nenhum vereador terá espaço com ele, tudo será através de Zé Augusto”.

Mais adiante Carlinhos falou que o partido ainda não sentou, anda não se reuniu para tratar sobre a eleição do ano que vem. Ele reforçou que Zé Augusto Maia terá o seu apoio para a disputa por uma vaga na ALEPE, mas que muita coisa ainda está solta e indefinida.

Carlinhos frisou também que sabe que a conjuntura política nacional deverá influenciar na cena política estadual e por consequência na politica local, na construção de alianças ou mesmo no rompimento de acordos políticos. 

Ele fez duras críticas ao prefeito Edson Vieira, citou licitações que segundo ele, podem ter sido feitas de forma irregular e falou ainda que Santa Cruz do Capibaribe está entregue ao descaso, com a administração municipal.

Sobre uma possível ida de Fernando Aragão para o PSB, Carlinhos disse que não vê como impossível. De forma irônica ele disse que o deputado estadual Diogo Moraes não é ‘dono’ do PSB e que o destino de Fernando e o dele serão definidos dentro de algumas semanas. 

O petebista lembrou ainda que ele e Fernando também foram procurados pelo PCdoB, através do empresário brejense Rubinho Nunes. Carlinhos revelou que mantém contato frequente com Rubinho, que para ele, é nome mais forte dos Comunistas na região do Polo de Confecções. 

Carlinhos chegou a elencar feitos de Paulo Câmara para Santa Cruz do Capibaribe e citou o Calçadão Miguel Arraes de Alencar, a UPA e a duplicação da PE-160, que seriam, de acordo com ele, obras feitas para tentar amenizar a imagem ruim do governo do estado em Santa Cruz do Capibaribe. 

A citação das obras e conquistas do governador socialista se repetiram a tarde, durante sessão na Câmara de Vereadores, onde em um aparte concedido pelo vereador Junior Gomes, Carlinhos citou as principais obras de Paulo em Santa Cruz. A surpresa foi generalizada, pois até então o governador sempre fora alvo de críticas pesadas por parte do Taboquinha. 

Voltando ao programa, Carlinhos se esquivou de responder se existe ou não a possibilidade de votar em Paulo Câmara para o governo do estado em 2018, deixando uma grande interrogação na cabeça dos ouvintes/eleitores, já que não apenas ‘meias palavras’ falam, o silêncio também muitas vezes faz um barulho tremendo.

Comentários

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

FAMILIARES E AMIGOS SE DESPEDEM DO RADIALISTA AGNALDO SILVA

PARA RECORDAR. MATÉRIA QUE FIZ COM AGNALDO SILVA EM 2014

Deputado fala sobre necessidade de movimento jurídico para barrar privatização da Eletrobras

DISTRITO DE PÃO DE AÇÚCAR É DESTAQUE EM REPORTAGEM DO SBT POR CAUSA DA VIOLÊNCIA

PRUDÊNCIO GOMES: "ESTOU À DISPOSIÇÃO DO POLO DE CONFECÇÕES"