Em evento com vaias, Temer celebra economia e nega aumento do IR

A empresários, no Rio, presidente cita as quedas da inflação e do desemprego e a alta do PIB e diz que não haverá elevação de alíquota do Imposto de Renda

Por Redação
Da Veja.com

O presidente Michel Temer (PMDB), que foi vaiado em evento no Rio (Alan Santos/PR)

O presidente Michel Temer (PMDB) foi vaiado durante pronunciamento na solenidade de abertura do Encontro Nacional de Comércio Exterior (Enaex 2017), nesta quarta-feira, no Rio de Janeiro. No discurso, ele ressaltava as melhorias do país e os avanços no cenário econômico-político.

No encontro foram discutidos assuntos como logística e negociações internacionais. Enquanto defendia as melhorias econômicas, Temer disse que “não se vence um atraso de mais de uma década da noite para o dia”, sem mencionar nenhum partido – o PT governou o país nos 13 anos anteriores à posse de Temer.

Ele voltou a negar rumores provenientes de sua própria equipe de governo sobre aumento nas alíquotas de Imposto de Renda e disse que o país caminha para um cenário econômico mais otimista. Segundo ele, o desemprego teve a queda mais significativa desde 2014 e a inflação, que há 14 meses estava acima dos 10%, agora “está novamente sob controle”. Ele também comemorou o aumento de 1% no PIB.

Em defesa das reformas econômicas previstas para sua gestão – a trabalhista já foi aprovada; faltam a da Previdência e tributária -, Temer citou a situação caótica vivida pelos cariocas, dizendo que o estado chegou em uma situação financeira extremamente delicada. Para ele, as medidas ajudarão a gerar mais postos de trabalho e a quitar as dívidas dos cofres públicos. “Queremos nossos empreendedores produzindo e gerando empregos”, afirmou.

Comentários

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE SEDIA O 'MODA E NEGÓCIOS', QUE VAI PARA A SUA TERCEIRA EDIÇÃO

TÍTULO DE CIDADÃO PARA BETTO ARAGÃO. UMA JUSTA HOMENAGEM.

MARANHÃO ANULA SESSÃO QUE APROVOU IMPEACHMENT

GREVE DE FOME DE CLODOALDO BARROS CHEGA AO FIM

Buracos na PE-160 danificam veículos e dificultam o acesso ao Moda Center Santa Cruz