Polícia Federal prende Henrique Eduardo Alves

Do Estadão

Ex-ministro de Temer é suspeito de desvios de R$ 77 milhões - Crédito: Ueslei Marcelino/Reuters


Novo desdobramento da Lava Jato, a Operação Manus prendeu preventivamente o ex-ministro do Turismo de Temer e ex-deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) na manhã desta terça-feira, 6. Também foi expedido um novo mandado de prisão contra o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

A operação da Polícia Federal, em conjunto com o MPF e a Receita Federal, investigou o pagamento de propinas e lavagem de dinheiro na construção da Arena das Dunas, em Natal/RN. Alves é suspeito de desvios de R$ 77 milhões.

Ao longo do dia, atenções voltadas à retomada do julgamento que pode cassar a chapa Dilma-Temer no TSE e afastar o presidente da República. A sessão de hoje começa às 19h e será retomada amanhã, às 9h, com transmissão ao vivo.

Comentários

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

FAMILIARES E AMIGOS SE DESPEDEM DO RADIALISTA AGNALDO SILVA

PARA RECORDAR. MATÉRIA QUE FIZ COM AGNALDO SILVA EM 2014

Deputado fala sobre necessidade de movimento jurídico para barrar privatização da Eletrobras

DISTRITO DE PÃO DE AÇÚCAR É DESTAQUE EM REPORTAGEM DO SBT POR CAUSA DA VIOLÊNCIA

PRUDÊNCIO GOMES: "ESTOU À DISPOSIÇÃO DO POLO DE CONFECÇÕES"