Polícia Federal prende Henrique Eduardo Alves

Do Estadão

Ex-ministro de Temer é suspeito de desvios de R$ 77 milhões - Crédito: Ueslei Marcelino/Reuters


Novo desdobramento da Lava Jato, a Operação Manus prendeu preventivamente o ex-ministro do Turismo de Temer e ex-deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) na manhã desta terça-feira, 6. Também foi expedido um novo mandado de prisão contra o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

A operação da Polícia Federal, em conjunto com o MPF e a Receita Federal, investigou o pagamento de propinas e lavagem de dinheiro na construção da Arena das Dunas, em Natal/RN. Alves é suspeito de desvios de R$ 77 milhões.

Ao longo do dia, atenções voltadas à retomada do julgamento que pode cassar a chapa Dilma-Temer no TSE e afastar o presidente da República. A sessão de hoje começa às 19h e será retomada amanhã, às 9h, com transmissão ao vivo.

Comentários

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

Diogo Moraes receberá os governadores Paulo Câmara e Ricardo Coutinho para assinatura da autorização da licitação da Adutora do Alto Capibaribe

Governador decreta luto oficial e destaca trajetória de vida de Armando Monteiro Filho

TEOBALDO DESTINA AMBULÂNCIAS PARA 03 CIDADES DO POLO DE CONFECÇÕES DO AGRESTE

SOBRE PROCESSOS E DIFAMAÇÕES, UM PEQUENO RECADO AOS MEUS DETRATORES E PRINCIPALMENTE AOS TRAIDORES, por Noelia Brito