Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social realiza Ação de Busca Ativa para pessoas em situação de risco



Aconteceu na noite desta terça-feira (25), a quinta Ação de Busca Ativa, uma iniciativa da Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social de Santa Cruz do Capibaribe, através da Casa de Cidadania e do Projeto Transformar. O movimento aconteceu no centro da cidade e contou com representantes da Secretaria de Saúde e Defesa Social.

O objetivo da ação consiste em localizar pessoas de Santa Cruz do Capibaribe e de outras cidades que estão em situações de rua, conhecer a história de vida de cada indivíduo, e após essa identificação, integrá-los ao Programa Transformar.

“Estamos trabalhando na perspectiva de fazer um mapeamento na cidade para elaboração de um diagnóstico pois alguns usuários de rua não são do município. Infelizmente algumas pessoas chegam aqui por um acaso, atraídas pelo Polo de Confecção. Ao entrarem em contato conosco, elas relatam o desejo de reatar os vínculos familiares e voltarem à terra natal”, contou Flávio Júnior, coordenador do programa Transformar em Santa Cruz do Capibaribe.



A Psicóloga do Transformar Noemi Cândida, falou sobre a atividade. “Nossa busca visa identificar e localizar pessoas que são ou não do município e que estão em situação de rua e nosso trabalho é fazer com que esse público frequente o Programa Transformar. Para que essa ação aconteça contamos com a participação da rede de saúde, assistência social e Guarda Civil Municipal”, frisou.    

“Nosso trabalho é assegurar a integridade do pessoal que está realizando está Ação de Busca Ativa, resguardando a integridade de todos envolvidos”, destacou o inspetor da Guarda Civil Municipal, Ademir.

Em Santa Cruz do Capibaribe, o Programa Transformar funciona na Avenida Cesário Aragão, 212, Centro, em frente ao antigo mercado de farinha, possui 60 pessoas cadastradas, diariamente 20 frequentam o projeto. O programa desenvolve oficinas de arte e confecção de sabão caseiro. O Transformar oferta atendimentos ao morador de rua e também seus familiares, proporciona cuidados de higiene, alimentação, descanso e atendimento psicossocial. Direciona também encaminhamentos à rede do Sistema Único de Saúde (SUS) e Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e demais políticas setoriais.

Comentários

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

FAMILIARES E AMIGOS SE DESPEDEM DO RADIALISTA AGNALDO SILVA

PARA RECORDAR. MATÉRIA QUE FIZ COM AGNALDO SILVA EM 2014

DISTRITO DE PÃO DE AÇÚCAR É DESTAQUE EM REPORTAGEM DO SBT POR CAUSA DA VIOLÊNCIA

Deputado fala sobre necessidade de movimento jurídico para barrar privatização da Eletrobras

PRUDÊNCIO GOMES: "ESTOU À DISPOSIÇÃO DO POLO DE CONFECÇÕES"