APRESENTAÇÃO DO RESULTADO DE OFICINA HOMENAGEOU RENATO RUSSO



O Teatro Municipal de Santa Cruz do Capibaribe abriu suas portas no sábado dia 18, para que o resultado da Oficina a Arte do Ator, realizada por Marcondes Moreno, fosse apresentado, transformando-se em uma homenagem a Renato Russo.

Os alunos foram divididos em 4 grupos, onde cada um teatralizou uma obra do compositor. 

A música Pai & Filhos foi teatralizada pelo grupo acima, que ousou com criação de textos próprios, aumentando a dramaticidade que a letra pede.
“Estátuas e cofres e paredes pintadas
Ninguém sabe o que aconteceu
Ela se jogou da janela do quinto andar
Nada é fácil de entender”
Este grupo encenou a música Tempo perdido, onde mais uma vez o compositor externa seu sentimento complexo.
Todos os dias
Antes de dormir
Lembro e esqueço
Como foi o dia
Sempre em frente
Não temos tempo a perder
A música Vento no Litoral recebeu um toque muito especial com a interpretação do grupo nesta foto. Jovens levaram emoção ao teatralizar o sucesso do líder do Legião Urbana.
       Agimos certo sem querer
Foi só o tempo que errou
Vai ser difícil sem você
Porque você está comigo o tempo todo
E quando vejo o mar
Existe algo que diz
Que a vida continua e se entregar é uma bobagem
Este grupo brilhou ao mostrar em forma de teatro, a música Monte Castelo. A mensagem levada pelos atores emocionou o público presente.
O amor é o fogo que arde sem se ver 
É ferida que dói e não se sente
É um contentamento descontente 
É dor que desatina sem doer

A apresentação da oficina, contou as participações musicais de artistas de Santa Cruz do Capibaribe. Os músicos Mecias Barros, Alberto Grilo, Bruno Feedback e Enzo Andrade executaram as canções. 

IMAGENS JAIRO GOMES

Comentários

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

FAMILIARES E AMIGOS SE DESPEDEM DO RADIALISTA AGNALDO SILVA

PARA RECORDAR. MATÉRIA QUE FIZ COM AGNALDO SILVA EM 2014

Deputado fala sobre necessidade de movimento jurídico para barrar privatização da Eletrobras

DISTRITO DE PÃO DE AÇÚCAR É DESTAQUE EM REPORTAGEM DO SBT POR CAUSA DA VIOLÊNCIA

PRUDÊNCIO GOMES: "ESTOU À DISPOSIÇÃO DO POLO DE CONFECÇÕES"