Postagens

Mostrando postagens de Março 3, 2016

PASTOR LUCAS EVANGELISTA FALA SOBRE A SANTACRUZ PREV

Imagem
O pastor Lucas Evangelista falou ao blog sobre a atual situação da previdência dos servidores de Santa Cruz do Capibaribe.
Segundo ele, não existe transparência e as informações são desencontradas. 
Pastor Lucas faz parte do Conselho de Saúde do Município e do Conselho da Santa Cruz Prev.
Clique no link abaixo e ouça a entrevista completa:

Paulo Maluf é condenado à prisão na França por lavagem de dinheiro

Imagem
O deputado, sua esposa e seu filho já recorreram da decisão, que está nas mãos da Justiça francesa EL PAÍS
A França se adiantou ao Brasil e condenou o deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) a três anos de prisão por lavagem de dinheiro em território francês de 1996 a 2005. A Justiça Federal e a do Estado de São Paulo colaboraram com o caso, compartilhando provas de ações contra o parlamentar no país.
Segundo a sentença, proferida pela 11ª Câmara do Tribunal Criminal de Paris no fim do ano passado, os valores investigados são decorrentes de desvio de dinheiro público brasileiro. Junto com Maluf, foram condenados também sua esposa e seu filho, Sylvia Lutfalla Maluf e Flávio Maluf.
Os três tiveram 1,8 milhão de euros confiscados pela Justiça francesa, obtidos de contas e valores em espécie, e, juntos, terão de pagar 500.000 euros em multas. A família já recorreu, e a decisão está nas mãos da Corte de Apelação de Paris.
Informada da condenação no último mês, a Procuradoria Geral da República…

Silvio cobra solução para débito do Estado com o Hospital Português

Imagem
A crise no sistema de saúde de Pernambuco, que atinge a rede pública e também a rede conveniada, chegou à cardiologia do Hospital Português. No último dia 22 de fevereiro, os responsáveis por seis equipes médicas do setor de cardiologia do hospital enviaram uma carta ao secretário estadual de Saúde, Iran Costa, pedindo a regularização do débito de R$ 15,48 milhões que o Estado tem com a instituição.
Na carta, o grupo de médicos alega que o débito, acumulado ao longo do ano de 2015, se refere aos procedimentos de alta e média complexidade que deixaram de ser repassados pela Secretaria de Saúde, apesar de o Estado ter recebido um montante de R$ 1,48 bilhão do Fundo Nacional de Saúde, o que contradiz a justificativa do Governo de Pernambuco, de que a saúde do Estado está na atual situação de crise por falta de repasses da União.
A questão foi levada ao plenário da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) na sessão desta quarta-feira (2), pelo deputado Silvio Costa Filho (PTB), líder …