Postagens

Mostrando postagens de Julho 17, 2015

UNIFAVIP abre inscrições para Prouni hoje

Imagem
Unifavip oferece mais de 900 vagas no ProUni
O prazo para se inscrever na lista de espera do programa vai de 17 a 20 de julho
O Centro Universitário Vale do Ipojuca (Unifavip|DeVry) está disponibilizando mais de 900 vagas na edição do segundo semestre do Programa Universidade para Todos (ProUni). Ao todo, o grupo educacional DeVry Brasil está oferecendo um total de 4,7 mil vagas, divididas entre suas instituições. Os interessados em se inscrever na Lista de Espera do programa devem fazer a inscrição entre 17 e 20 de julho. A lista é utilizada pelas instituições de ensino para ocupar as vagas de bolsas que não foram preenchidas nas primeiras chamadas.
Desde que foi criado, em 2005, o ProUni já garantiu a entrada de mais de 1,4 milhões de brasileiros no curso de graduação. “Disponibilizamos um número expressivo de vagas ao ProUni, pois nossa intenção é proporcionar, para esses futuros alunos, a oportunidade de estudar em uma instituição de ensino superior de alta qualidade e padrão acadêm…

JÚNIOR GOMES VOLTA PARA A CÂMARA A PARTIR DESTA SEGUNDA-FEIRA

Imagem
O vereador licenciado, que ocupou a Secretaria de Serviços Públicos por mais ou menos quatro meses, decidiu entregar o cargo nesta sexta-feira. 
Muito vai se especular sobre essa saída mas como a versão oficial é a que conta vamos esperar para saber realmente qual foi o motivo que levou Júnior Gomes a tomar tal decisão.
Cogita-se que para a sua vaga poderá ir Gilson Julião, ocasionando uma dança de cadeiras no governo tucano.
Em um momento em que o prefeito Edson Vieira anuncia uma série de medidas para levantar o astral do seu governo essa saída de Júnior Gomes, de forma inesperada, cai como uma ducha de água fria.

Por que os atletas brasileiros estão prestando continência no pódio do Pan?

Imagem
Bruno Doro, Daniel Brito e Fábio Aleixo
Do UOL, em Toronto (CAN)



Atletas brasileiros prestam continência no pódio do Pan Atleta militar, Fabiana Beltrame presta continência no pódio do remo Gaspar Nobrega/inovafoto

No judô, a maioria dos atletas do Brasil que subiu ao pódio repetiu um gesto. Quando a bandeira verde e amarela era hasteada, prestavam continência. Estando o atleta em primeiro, segundo ou terceiro lugar. Com o hino brasileiro tocando ou não. O mesmo aconteceu nas provas de natação neste Pan-Americano de Toronto.
O motivo? Todos são militares e receberam treinamento para isso. Segundo a judoca Mayra Aguiar, atual campeã mundial e que saiu dos Jogos Pan-Americanos de Toronto com uma medalha de prata, foi feito um pedido dos militares à delegação brasileira para isso.
"Na verdade, eles pediram pra fazer. Mas é uma coisa da gente. A gente ficou na iniciação um mês, lá dentro. Aprendeu muita coisa e pegou o espírito do militarismo", diz Mayra, terceiro sargento da Marin…