Postagens

Mostrando postagens de Junho 15, 2014

Raquel Lyra confirma sua candidatura na convenção da Frente Popular de Pernambuco

Imagem
Os 20 partidos que compõem a Frente Popular de Pernambuco nas eleições de outubro se reuniram, neste domingo (15), no Clube Português, no Recife, para convenção partidária do Partido Socialista Brasileiro (PSB/PE). No ato, a deputada estadual Raquel Lyra (PSB) selou seu nome como candidata à reeleição. Cerca de 20 mil pessoas compareceram ao encontro. O evento contou com a presença do presidente do PSB e presidenciável Eduardo Campos, e sua candidata à vice, Marina Silva (PSB/Rede); além do governador de Pernambuco, João Lyra Neto (PSB). Na ocasião, foram homologados os nomes de Paulo Câmara (PSB), como candidato ao Governo; Raul Henry (PMDB), na vice; e Fernando Bezerra Coelho (PSB), para o senado.

“A Frente Popular fez uma linda festa, para começarmos com o pé direito a campanha para as eleições de outubro. Temos uma chapa majoritária forte e que vai continuar um belo projeto iniciado pelo ex-governador Eduardo Campos e o atual João Lyra Neto. Estou bastante animada com a minha reel…

Corinthians, Brasil e a esperança de Andar de novo: o sentido da abertura da Copa, segundo um jovem paraplégico

Imagem
Vizinho do terreno da arena por 30 anos, Fernando Stefanelli teve três fortes razões para estar no estádio da região de Itaquera na partida inaugural do Mundial O terreno onde hoje está a Arena Corinthians, em São Paulo, é um velho conhecido de Fernando Stefanelli. Era o local favorito para brincadeiras quando era criança, praticamente no quintal de casa, já que a família morava em um conjunto habitacional vizinho. Mas um acidente de moto há cinco anos mudou os planos de vida, quando ele tinha 30 anos. Fernando ficou paraplégico e teve que se mudar do local para uma casa mais adaptada. E foi longe de Itaquera que ele descobriu algo muito especial: do terreno da infância nasceria o estádio do time do coração. E sediaria o jogo de estreia do Brasil na Copa.
“Quando eu fiquei sabendo que o estádio do Corinthians ia ser construído lá, eu não acreditei. Eu sou muito corinthiano, muito apaixonado. E depois soube que seria o estádio da abertura, com o Brasil em campo. Prometi para mim mesmo …

HOJE O DIA É DELE. PARABÉNS CAPILÉ !

Imagem
F  E  L  I  Z       A   N  I  V  E  R  S  Á  R  I  O

Teve Copa. E teve relincho.

Imagem
Ao ser xingada, Dilma não se tornou alvo da insatisfação, legítima ou não. Tornou-se alvo de quem perdeu a vergonha de fazer em público o que faz todo dia no sofá: relinchar
por Matheus Pichonelli da Carta Capital

Roberto Stuckert Filho/PR

A presidenta Dilma Rousseff cumprimenta o primeiro-ministro da Croácia, Zoran Milanovic e a presidenta do Chile, Michelle Bachelet, após o jogo de abertura da Copa do Mundo. Durante a partida, ela foi vaiada pelos torcedores
O brasileiro médio saiu do armário. Na abertura do maior evento da história do País, teve a chance de mostrar em rede mundial sua maior virtude e não decepcionou: sabendo que seria visto e ouvido, fez exatamente o que faz em seu sofá diante da tevê e sem o menor pudor: relinchou. E relinchou alto, como quem enfia o sorvete na testa.
Não, não me refiro às vaias contra a presidenta Dilma Rousseff, talvez o maior termômetro do esgotamento de um modelo de gestão incapaz de propor soluções novas para velhos problemas. Me refiro aos xin…

QUADRILHA DA SULANCA EM SÃO DOMINGOS - SÃO JOÃO 2014

Imagem